Quem me visita

Seguidores

sábado, 30 de julho de 2011

Mega almoço para a promoção das «Tripas moda do Porto», para serem eleitas uma das 7 maravilhas gastronómica de Portugal

Como todos sabem, as pessoas naturais do Porto, são conhecidos como "Tripeiros".

Isso deve-se a um prato gastronómico muito popular na nossa cidade, as Tripas à moda do Porto.

Esse mesmo prato está a concorrer para ser eleito uma das sete maravilhas da gastronomia.
Como a câmara do Porto se desinteressou, a câmara de Gaia decidiu fazer este MEGA almoço, onde juntou 1700 pessoas.
Os restaurantes que colaboraram estão de parabéns, pois as Tripas estavam deliciosas.
Foi um almoço espectacular, numa paisagem das mais bonitas do mundo (perdoem-me mas eu sou muito bairrista).
Mas para quem não conhece, vou tentar contar um pouco da história deste prato e a sua origem.
Conta-se, que aquando os descobrimentos o povo do Porto decidiu oferecer toda a carne da cidade para os marinheiros levarem nas Naus para terem alimento nas viagens da conquista de Ceuta isso por volta de 1415.
O que restou na cidade foram as vísceras dos animais, mas o povo da «Invicta e mui nobre cidade do Porto», arranjou logo maneira de aproveitas as mesmas e fazer um prato que foi evoluindo com o tempo, pois o feijão só chegou à Europa no século VII, mas isso já é outra história.
Agora que já contei um pouco da história (pelo menos o que eu sei), peço a todos os apreciadores deste prato para votarem nele.

Por telefone: 760302715

Pelo Facebook: www.facebook.com/7MGastronomia

Por SMS marcando 715 para o nº 68933

Através do site www.7maravilhas.sapo.pt/votação/



4 comentários:

Joana disse...

Tem todos os motivos para ser bairrista, tua cidade é uma das mais belas que já conheci entre todas as que já visitei no mundo, de Portugal com certeza. Não conheço o prato mas achei interessante a história. Me ocorre que a maioria dos pratos tradicionais tem origem num período ou ocasião de necessidade, como a feijoada no Brasil que é feita com as partes do porco que eram dispensadas pelos senhores das fazendas e eram cozidas com o feijão pelos escravos. Acabou se tornando nosso prato nacional, e assim vejo que muitos outros de várias partes do mundo têm uma origem parecida. Beijos
Joana

Maria Girassol disse...

oi querida, tem sorteio no meu site camomilarosa.com! Vou sortear uma Tilda! Participa!
xeiros

joma disse...

ola vim conhecer seu blog e me apaixonei,amo portugal e tenho esperança de um dia chegar até aí, meu marido vai todo ano pq tem um tio com mal de alzeimer e esta internado num clinica no porto, nunca dá certo de eu ir pq tenho q ficar tomando conta da nossa corretora de seguros, essa festa deve ter sido maravilhosa e deliciosa.Eu o quanto voce deve estar aborrecida por causa do seu trabalho mas as coisas boas vão embora para chegarem as melhores, também andei meio aborrecida e abandonei meu blog agora estou retornando, aproveito para convida-la a conhecer meu cantinho e se puder se tornar minha seguidora, felicidades., já me tornei sua seguidora e amei suas reciclagens

M. disse...

Helena, realmente é incrível a atitude do Porto, mas já nem me surpreende... Que almoço espectacular!
Beijinhos,
Madalena